Grupo 4 - Resenha 5

Índice - Resenha 5

Blended Learning e as mudanças no ensino superior: a proposta da sala de aula invertida

O texto traz uma proposta diferente no ensino superior, no que diz respeito a educação à distância, que é a proposta da sala de aula invertida. Nesse novo modelo de educação, professores e alunos assumem papéis diversificados e diferentes do modelo tradicional de ensino.
O artigo discute as diferentes modalidades do blended learning, que é a combinação de atividades presenciais e à distância, e da sala de aula invertida, abordagem que traz o aluno como um sujeito ativo no processo de ensino aprendizagem.
Para Dewey (1916), a aprendizagem baseada no modelo tradicional de ensino é considerada antiquada e ineficaz. Segundo Tapscott; Williams, 2010, a aprendizagem baseada na transmissão está deixando de atender às necessidades dessa nova geração de estudantes.
Nesse novo contexto, é necessário pensar nas teorias de aprendizagem. A visão de Bransford , Brown e Cocking (2000), colaboram com essa nova visão de ensino, já que para eles o educando precisa assumir uma postura mais participativa na construção do conhecimento, tornando-se assim, sujeito integrante na aprendizagem ativa. Diante disso, diversas estratégias têm sido utilizadas para promover essa aprendizagem e as tecnologias digitais de informação e comunicação (TDIC) surgem como forte aliadas nesse processo.As tecnologias de hoje estão impulsionando este novo modelo de ensino,em que a cada dia que passa, os estudantes tem mais acesso a computadores e dispositivos móveis de última geração,dentro desta nova perspectiva a educação tem potencializado alternativas para acompanhar essa evolução.

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License